Clipes Gauchos

Julio Saldanha – Oco do Chão

Cantores NativistasJulio SaldanhaSem categoria

IMDB: /10 Votos

Reportar erro

Quando um touro aponta a guampa num pelado de rodeio
quando abro minha garganta, raiz da pátria semeio
levanto igual leiva bruta quando o arado galopeia
É a força da terra xucra que no meu peito pateia.

meu canto é tiro de bala que atou meu próprio cavalo
me deixando enraizado na querência onde nasci
É mascote de sinuelo que vai batendo sincero
e não deixa a pátria dormir

É olho de boi que pula que vem do oco do chão
vertente de água pura no manancial da canção
quando me encontro vagando no lombo de uma vaneira
parece que vou rolando mo transformando em cachoeira.

No links available
No downloads available

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *










Você poderá gostar

%d blogueiros gostam disto: