Clipes Gauchos

Marco Aurélio Vasconcelos – Um Gaúcho Pega a Estrada

Cantores NativistasMarco Aurélio Vanconcellos

IMDB: /10 Votos

Reportar erro

Marco Aurélio Vasconcelos – Um Gaúcho Pega a Estrada

O patrão ontem, vendeu a velha estância
E os sonhos que eram meus foram também
Léguas e léguas de silêncios e de campo
Que eu há tempos conhecia muito bem…

Cavalos mansos, gado bueno e as ovelhas
Campo e mio-mio, várzea e açude, tudo enfim
E tudo aquilo que era a vida que eu não tive
Mas era parte essencial por ser de mim!

Um arreio já surrado, a velha gaita
Poncho nos “ombro” e um chapéu
Um jeito de quem tá indo sem ser data pra voltar
Sem saber que pra sonhar não adianta olhar pro céu!

Vai uma saudade e mais nada
Uma esperança emalada
Quando um gaúcho pega a estrada

Os apartes de mangueira e minhas tropeadas
E os setembros que floriram as maçanilhas
O galpão das desencilhas e dos meus mates
E a tapera que era parte da coxilha…

O patrão vendeu a estância como era
Com um cadeado na porteira da entrada
Os meus sonhos pelo meio e dor pra sempre
Que largou junto de tiro pela estrada!

Uma mala de garupa, uns “pila” curto
Uma baia e um gateado no buçal
Um jeito de quem tá indo sem saber pra onde ir
Sem entender que partir também faz parte da vida

Marco Aurélio Vasconcelos – Um Gaúcho Pega a Estrada

No links available
No downloads available

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *










Você poderá gostar

%d blogueiros gostam disto: